Nenhum de nós está satisfeito com o atual cenário político brasileiro. Mas o que fazemos para mudá-lo? O nosso movimento nasce para mostrar que novos e melhores dias são possíveis.

#LizianeBayerNelaEuConfio A confiança é a base de todo o bom relacionamento. É insuportável conviver com quem não confiamos. É assim na vida conjugal, profissional e social. Carecemos de ter ao nosso redor pessoas que são dignas de confiança. A desconfiança gera preocupação, insegurança e medo.

Mas em quem podemos confiar?

E, pela manhã cedo, se levantaram e saíram ao deserto de Tecoa, e, saindo eles, pôs-se em pé Josafá e disse: Ouvi-me, ó Judá e vós, moradores de Jerusalém: Crede no Senhor, vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis. (2Crônicas 20:20 ARC)

A resposta das escrituras é clara, EM DEUS E NOS SEUS PROFETAS! O profeta é aquele que tem a incumbência de ser o porta voz entre Deus e os homens. Ele sempre fala o que Deus lhe manda e suas profecias são confirmadas uma a uma.

Quando o tal profeta falar em nome do Senhor, e tal palavra não se cumprir, nem suceder assim, esta é palavra que o Senhor não falou; com soberba a falou o tal profeta; não tenhas temor dele. (Deuteronômio 18:22 ARC)

Cremos que Deus colocou a Pastora, e agora deputada, Liziane Bayer para ser boca de Deus na Assembleia Legislativa.

Por isso queremos que todos os que a consideram como tal juntem-se a nós neste movimento, #LizianeBayerNelaEuConfio.

A muito tempo a classe política vem perdendo a credibilidade, mas cremos que Deus levantou Liziane Bayer para que a sociedade depois de tantos anos, possa depositar sua confiança nesta mulher que é uma legítima representante de Deus e da sociedade!

Alguém pode bradar: “Maldito o homem que confia no homem!”

E é verdade, que confia na força do próprio braço ou na própria capacidade não está fazendo boa coisa aos olhos do Senhor. Porém ressalto que o que nos faz depositar nossa confiança na deputada Liziane Bayer é sua demonstração diária de que não foi por seus méritos que chegou ao parlamento, mas sim por vontade divina!

E não digas no teu coração: A minha força e a fortaleza de meu braço me adquiriram este poder.

Antes, te lembrarás do Senhor, teu Deus, que ele é o que te dá força para adquirires poder; para confirmar o seu concerto, que jurou a teus pais, como se vê neste dia. (Deuteronômio 8:17-18 ARC)

Anúncios